Avesui destaca excelência do agronegócio catarinense

Foto: Jeferson Baldo / GVG
O Agronegócio de Santa Catarina foi destaque na abertura da Avesui, nesta terça-feira, 25, em Florianópolis. Em seus pronunciamentos o vice-governador Eduardo Pinho Moreira e o secretário da Agricultura e da Pesca, Moacir Sopelsa, ressaltaram os esforços do Governo do Estado, iniciativa privada e produtores para manter o status sanitário diferenciado dos rebanhos e a vocação catarinense para produção de alimentos.


Com apenas 1,12% do território nacional, Santa Catarina é o primeiro produtor nacional de suínos, cebola, maçã, alho, ostras, mexilhões e pescados. O segundo maior produtor de aves, tabaco e arroz e está entre os maiores produtores de mel, banana e leite. Em seu discurso, Pinho Moreira, reconheceu a importância do agronegócio para a economia catarinense, sendo responsável por aproximadamente um terço do Produto Interno Bruto do estado. “Enquanto o Brasil passa por dificuldades estruturais e econômicas, Santa Catarina é um estado mais equilibrado e, indiscutivelmente, o agronegócio tem uma participação importante nesse cenário”.

O vice-governador ressaltou ainda os investimentos na sanidade animal, que fazem de Santa Catarina um estado diferenciado e modelo em saúde animal. “Nós ficamos felizes porque Santa Catarina sedia esse evento, porque nós temos um histórico importante nos cuidados com a saúde animal. Somos o único estado brasileiro livre de febre aftosa sem vacinação, somos livre peste suína clássica e temos um trabalho exemplar da Cidasc”, afirma. Essas certificações internacionais pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) dão ao estado acesso aos mercados mais competitivos do mundo, como Japão e Estados Unidos.

Foto: Jeferson Baldo / GVG
  A qualidade das carnes produzidas no estado também foi tema do discurso do secretário da Agricultura e da Pesca, Moacir Sopelsa. “O agronegócio brasileiro passou por um momento delicado, principalmente quando questionaram a qualidade das carnes produzidas no nosso estado e nós, mais uma vez, mostramos que Santa Catarina tem uma seleção dos melhores produtores, empresas e técnicos comprometidos e dedicados em fazer o melhor”.

As discussões sobre a produção de carnes em Santa Catarina continuam nesta quarta-feira (26) na Avesui. Às 15h15, o secretário Moacir Sopelsa, representantes da cadeia produtiva, das agroindústrias e do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) estarão reunidos para discutir a qualidade da carne brasileira, falando dos esforços do setor para oferecer ao mercado produtos com qualidade e segurança, além dos novos desafios enfrentados. O painel será realizado no Auditório de Inovação e será gratuito para os visitantes.


Reconhecimento às personalidades do setor de aves e suínos 

Durante a abertura do evento, o vice-governador e o secretário da Agricultura entregaram o prêmio "Oswaldo Gessulli Personalidades da Avicultura e Suinocultura Brasileira” aos destaques da suinocultura e avicultura em Santa Catarina. Os homenageados foram: Mario Faccin, médico veterinário e reconhecido como o maior produtor individual de suínos no Brasil, fundador da agroindústria Master, recebeu o prêmio como Personalidade Empresarial da Suinocultura. Nilson Olivo, grande incentivador da suinocultura brasileira e criador do Mapa do Suíno foi reconhecido como Personalidade Técnica da Suinocultura. No setor de avicultura, os premiados foram o administrador Franke Holdbold, diretor geral da Plasson do Brasil, como Personalidade Empresarial, e a médica veterinária e gerente corporativa de Avicultura da BRF Christine Mazziero, escolhida como Personalidade Técnica pelo seu trabalho em áreas como saúde animal, frangos de corte e projetos estratégicos.


Pecuária em Santa Catarina

 
Com forte tradição na pecuária, Santa Catarina é berço das principais empresas do setor de carnes do Brasil e foi também o pioneiro na integração vertical nas cadeias produtivas de aves e suínos. São 18 mil produtores integrados às agroindústrias em Santa Catarina e o setor de carnes gera quase 60 mil empregos diretos em frigoríficos e indústrias de beneficiamento.


A carne - frango, suínos e bovinos - é responsável pelo maior faturamento no Valor Bruto da Produção Agropecuária de Santa Catarina, foram R$12,48 bilhões em 2016. O Estado é o maior produtor nacional de carne suína e o segundo maior de carne de frango, atendendo o mercado brasileiro e o exterior, com presença em mais de 120 países.


Avesui

Entre os dias 25 e 27 de abril, Florianópolis será sede do maior evento voltado para as cadeias produtivas de aves, ovos e suínos da América Latina. A Avesui reunirá empresas dos setores em uma feira internacional de negócios, além de uma extensa programação técnica.

Durante três dias, a Avesui terá palestras, painéis e debates sobre assuntos relacionados à produção de aves, ovos e suínos. Estão na programação, ainda, o II Congresso de Zootecnia e Precisão e o XVI Seminário Técnico de Aves e Suínos.

A programação completa das palestras técnicas e o credenciamento para a feira podem ser feitos pelo site www.avesui.com .

Informações: Governo do estado de SC

Comentários