Porto de Imbituba cresce 12,7% no primeiro trimestre de 2018


O primeiro trimestre do ano terminou em alta e trazendo resultados animadores para a SCPar Porto de Imbituba. 

A movimentação total de cargas cresceu 12,7% em relação ao mesmo período do ano passado, sendo as operações de longo curso as que obtiveram o maior desenvolvimento, com um aumento de 16%.

Entre as principais cargas transportadas estão o coque e a soja, porém o grande destaque ficou para os contêineres. 

Confirmando a perspectiva de dobrar sua movimentação anual, a carga conteinerizada apresentou um crescimento de 132,7% já nos primeiros três meses deste ano, comparado ao total movimentado no mesmo período de 2017. 

A expansão da movimentação de cargas no Porto de Imbituba pode ser atribuída a um conjunto de fatores, dentre eles evidencia-se a linha Ásia (ASIA NGX2), que passou a operar em setembro de 2017, investimentos na infraestrutura de acesso e em equipamentos, e a crescente recuperação econômica do mercado global.

Excelentes parâmetros operacionais, como a capacidade de receber grandes navios, devido à profundidade de 15m nos berços de atracação, também contribuem fortemente para o desenvolvimento portuário.

 

A expectativa da SCPar Porto de Imbituba é registrar um crescimento total de 6,5% na movimentação do porto em 2018.

O diretor-presidente da empresa, Rogério Pupo, destaca que as perspectivas estão se confirmando a partir desse primeiro trimestre.

"Estamos em uma franca recuperação, não só de movimentação, como também financeira.

Além disso, o ano de 2018 vai ficar marcado por novidades implícitas na área de contêiner, como novas cargas que estão prospectando Imbituba como solução logística", ressalta Pupo. 

Comunicação Social SCPar Porto de Imbituba

Comentários