DENGUE: 8 Focos são encontrados em Imbituba


Agentes do Programa de Combate à Dengue de Imbituba registraram, durante uma fiscalização de rotina nas mais de 200 armadilhas espalhadas pelo município, o aparecimento de oito focos do Aedes Aegypti. Os fiscais encontraram quatro focos em no bairro Porto da Vila, dois em Nova Brasília, um no Campo da Aviação e um na Vila Nova.

Os oito focos foram verificados durante a análise de 21 larvas. Nos locais, além das armadilhas, os agente também vistoriaram casas e estabelecimentos comerciais. “Nos pontos em que foram constatados os focos, nós abrimos um raio de 300 metros e fiscalizamos cada local. Por sorte, não encontramos mais nenhuma nova larva positiva para o Aedes Aegypti”, disse o Coordenador do Programa de Combate à Dengue, Eduardo Cardoso Carvalho.

A situação, segundo a Secretária Municipal de Saúde, é considerada preocupante. “Nós não podemos aumentar esse número. Não podemos permitir que a cidade se torne um local de infestação Aedes Aegypti. Por isso, pedimos a colaboração da população para que permita o trabalho dos nossos agentes.

Sete agentes do Programa de Combate à Dengue estão percorrendo os bairros de Imbituba, inspecionando todas as armadilhas e pontos estratégicos. A intenção é prevenir, para que novos focos não sejam encontrados na cidade do litoral.

“É muito importante a participação de toda a população. Não só cuidando da sua residência, mas fiscalizando o seu vizinho, se não há água parada ou terreno baldio sem manutenção. Dessa forma, denunciando à Prefeitura, nós poderemos reduzir os riscos de novos focos”, alertou o Prefeito Rosenvaldo da Silva Júnior.

Para conscientizar a população, 3 mil panfletos de alerta foram produzidos e serão distribuídos nos próximos dias aos moradores. Aproveitando a Semana do Meio Ambiente, que acontece em Imbituba até a próxima sexta-feira (08), um agente da Secretaria de Saúde vai trabalhar o tema durante os eventos realizados no município.

Comentários