Imbituba: Público marca presença na 6ª Conferência Municipal de Saúde


A 6ª Conferência Municipal de Saúde foi marcada pela presença maciça de público. O salão principal do Imbituba Atlético Clube esteve lotado durante todo o evento realizado nesta sexta-feira (05). Os representantes do fórum debateram com a comunidade, propostas para a área da saúde para aos próximos quatro anos.

“A gente tem preocupação com os próximos anos, já que o SUS é um patrimônio dos cidadãos brasileiros. E, só conseguiremos melhorar o que nós temos, com investimento, com boa gestão e garantindo a participação popular. Por isso, é importante a casa cheia, para que se possa discutir e mostrar como queremos a saúde pública para o futuro, com a qualidade que todos merecem”, disse o Prefeito de Imbituba Rosenvaldo da Silva Júnior.

Para a Presidente do Conselho Municipal de Saúde, Lourdes Pires, o momento vivido pela saúde pública no Brasil necessita de um debate como o que foi realizado em Imbituba, com o envolvimento do Poder Público e da sociedade.

“A gente vive um momento de muitas perdas de direitos, tanto no controle social, quanto no âmbito da saúde. Essas conferências têm a função de dar voz à população. Aqui, tivemos a oportunidade de escrevermos propostas para as áreas da saúde”, informou Lourdes Pires, Presidente do Conselho Municipal de Saúde.

Segundo a Secretária Municipal de Saúde, Graciela Ribeiro, tudo o que foi debatido no evento em Imbituba será apresentado na Conferência Estadual de Saúde, que será realizada no próximo mês de junho.

“Com o que foi debatido aqui, desenvolvemos propostas que serão levadas à Conferência Estadual. Queremos manter a saúde pública como direito. Direito esse, que foi reconhecido em 88, com a Constituição Federal”, reiterou a Graciela Ribeiro.

Comentários